Desisti das Clínicas. Achei que seria fácil encontrar uma vaga num estacionamento tão grande quanto (ou maior que) o Complexo todo-LO-TA-DO. Estacionamento-apêndice- LO-TA-DO. Estacionamentos ao redor- LO-TA-DOS! Esquece. Vai no posto, depois toca pro aeroporto. Aeroporto hoje não. Hora do almoço, pastel gigante distribuindo panfletinhos na Paulista: quero Pastel! Não!! Você não ta boa, seu estômago não é de ferro. Ok, para no Pasteur (alguma coincidência? Ahn?) E aaah… Acho que o único lugar onde se lê, na sinalização interna, Sala de Vacina e Centro de Documento e Patrimônio na mesma plaquinha. Que lugar bonito! Devo ter voltado uns 30 anos no tempo. Picadinha! Oh, tão rapidinho e já voltei pra Paulista de 2009.

Se eu tiver filhos nessa cidade (se eu ainda tiver o mesmo alguém pra ser pai dos meus filhos) os trarei pra tomar vacina aqui. E depois comer Pastel!

Anúncios